Home / Construção Leve / Rescisões da Construgar – STICPAR ganhou na justiça.

Rescisões da Construgar – STICPAR ganhou na justiça.

Ex-Funcionários da empresa Construgar Engenharia tiveram seus benefícios e rescisões pagos graças ao esforço conjunto do STICPAR e do MPT.

A Construgar Engenharia, empresa que toca obra do Novo Hotel do Frade (FRAD.E), já vinha a algum tempo dando sinais de sua inadimplência e desrespeito com o trabalho, atrasando pagamento de salário por várias meses, quando não era o salário, atrasava o vale-transporte ou outro benefício, não depositava regularmente o FGTS do trabalhador, mesmo este sendo descontado em folha de pagamento. Enfim, um verdadeiro descaso, deixando o trabalhador sem o seu alimento no fim do mês, sem dinheiro pra pagar as contas, aluguel, pensão… O STICPAR já tentava um acordo com a empresa, respaldado pelos trabalhadores, para que essa regularizasse o mais rápido possível as pendências mas não ocorreu, e se agravou quando a empresa demitiu todos os seus funcionário e ao passar o prazo legal de 10(dez) dias para o pagamento das rescisões, os trabalhadores simplesmente não foram nem procurados pela empresa.

O STICPAR entrou com um processo no Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro e conseguiu que a audiência fosse marcada. Nessa audiência estiveram presentes o representante jurídico da Construgar Dr. Célio, o vice-presidente do STICPAR Carlos Silva, onde ficou decidido que os trabalhadores deveriam receber em até 10 dias os valores referente a pagamentos em atraso e rescisões, estendendo o prazo para 30 dias para os valores de FGTS.

Ao todo, cerca de 40 trabalhadores foram beneficiados com a ação que é uma dentre as várias que o STICPAR vem movendo contra as empresas que se mostram irregular com os direitos trabalhistas.

 

 

Sobre Anderson Reimberg

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos requeridos estão marcados *

*